Eugène Delacroix - "A liberdade guiando o povo" - 1830






12 de out de 2010

Dilmanic


 

Todos conhecem a história do Titanic, aquele navio colossal, construído com muito dinheiro, fruto da megalomania de um homem, e que antes de iniciar sua viagem inaugural, disseram que era tão forte e seguro que "nem Deus afunda".


 

Pois bem, agora apareceu a versão brasileira: DILMANIC.


 

A Dilmanic guarda muitas semelhanças com seu colega que afundou no começo do século passado: foi uma candidatura construída com muito dinheiro (principalmente de Casa Civil), fruto da megalomania de um homem (desnecessário comentar), e que durante sua viagem inaugural, disse que era tão forte "nem Deus tira esta vitória".


 

A história se repete, e acreditando você ser obra de Deus ou não, o fato a Dilmanic começa a dar os primeiros sinais de que está fazendo água.


 

Já é pública a briga dentro da direção da campanha, os votos estão se esvaindo. Quanto mais tenta se aproximar dos religiosos, mais besteiras a criatura faz e fala. O "criador" e "capitão", ao ver a candidatura começar a fazer água, já dá sinais de que será o primeiro a pular na água, seguido bem de perto pelo PMDB (este obviamente não pulará na água, mas do barco do PSDB).


 

A vitória de José Serra se mostra cada vez mais possível e mais concreta. O que veremos até o dia das eleições será um espetáculo de horrores por parte do PT, baixando ainda mais o nível desta campanha.


 

Que vá a pique logo!!

Nenhum comentário: