Eugène Delacroix - "A liberdade guiando o povo" - 1830






24 de out de 2010

O sapo na panela




Certa certa vez, um cientista decidiu fazer uma experiência com a capacidade térmica dos sapos. Ele pegou duas panelas,uma com água fervente e outra com água fria. Colocou as duas no fogo e jogou um sapo em cada uma. Na primeira, com água fervente,o sapo pulou desesperadamente para fora da panela, numa resposta imediata ao seu sistema de defesa. Na segunda,o sapo continuou dentro da panela. Sem se dar conta de que a àgua estava esquentando gradativamente, nem se mexeu. Não sentindo as mudanças a sua volta, pois seu organismo não responde a mudanças lentas de temperatura, acabou morrendo cozido. É exatamente isso que o PT tem feito com o Brasil nos últimos oito anos. Se, quando Lula tomou posse, ele colocasse em prática todas as ideias de cunho totalitário, com certeza seu mandato não chegaria ao fim. Mas o que ele fez, foi colocar o povo brasileiro em uma panela com água fria, e ir esquentando aos poucos, sem que ni nguém percebesse o aumento gradual da temperatura. Foi aos poucos apaarelhando o estado, desafiando o judiciário, testando os limites da legalidade, implantando de forma sistemática o fisiologismo e a corrupção, controlando a imprensa, cooptando jornalistas e ´veículos de comunicação tornando-os dependentes da publicidade oficial. Pois agora a água está quase fervendo, e para a água ferver basta Dilma vencer as eleições. Precisamos tirar essa panela de cima do fogo, e dar um banho de água fria nas pretensões petistas.


Nenhum comentário: