Eugène Delacroix - "A liberdade guiando o povo" - 1830






10 de out de 2012

“Não quero impunidade ou prescrição. Quero ser julgado pelo Supremo”


Famoso pelas festas de aniversário que costumava organizar anualmente no Bar Avenida, na zona oeste da capital paulista, José Dirceu convidou em março de 2007 nada menos do que mil amigos e aliados políticos para a comemoração de seus 61 anos. Na ocasião, tomou o microfone e, para as centenas de pessoas que aceitaram o convite, o ex-chefe da Casa Civil engatou: “Não quero impunidade ou prescrição. Quero ser julgado pelo Supremo”. A plateia embalou o discurso aos gritos de “Volta Zé”, que prosseguiu com a fala: “Vamos começar, sim, a campanha pela minha anistia. Mas vamos fazer do jeito nosso. Na base do PT”.

(do Último Minuto)

Pronto Zé, seu pedido foi atendido. Boa estadia na papuda

Nenhum comentário: